May 18, 2024
Amazonas Manaus

Preso suspeito de homicídio de servidor do TCE-AM em Manaus

Preso suspeito de homicídio de servidor do TCE-AM em Manaus Advogado e servidor do TCE, Erwin Rommel Godinho Rodrigues, assassinado em Manaus — Foto: Redes sociais

Advogado servidor do Tribunal de Contas do Amazonas é vítima de assassinato em Manaus

Um pistoleiro suspeito de matar o advogado Erwin Rommel Godinho Rodrigues, servidor público no Tribunal de Contas do Amazonas (TCE), foi preso durante a “Operação Legisperitum” realizada pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). A vítima foi alvejada por tiros ao sair de um restaurante em Manaus, no mês de novembro.

As investigações conduzidas pela Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) apontaram que Hewerton Kauan Oliveira Cavalcante, de 18 anos, foi o responsável pelos disparos que tiraram a vida do advogado. Segundo informações apuradas pelo g1, o advogado já havia sido alvo de uma tentativa de homicídio anteriormente. O advogado Alan Johnny, que acompanha o caso, comentou que a motivação pode estar relacionada ao trabalho exercido por Erwin como advogado no interior da Bahia, onde ele havia ajuizado uma ação de cobrança de honorários no valor de mais de R$ 3 milhões.

De acordo com o advogado Alan Johnny, a vítima já havia sofrido uma tentativa de assassinato no início de 2022. Os familiares alertaram o advogado sobre a situação, mas ele não levou a sério na ocasião. No dia do crime, Erwin foi chamado para almoçar em um restaurante e foi acompanhado pelo seu motorista. Infelizmente, ele não tinha ideia de que seria alvo de um ataque e acabou sendo vítima dos criminosos.

O crime ocorreu por volta das 14h do dia 11 de novembro. Erwin participava de uma reunião em um restaurante na Avenida Santos Dumont, quando foi abordado por ocupantes de um carro. Após os disparos, os suspeitos fugiram do local.

O advogado foi atingido por seis tiros e chegou a ser levado para o Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, mas não resistiu aos ferimentos.

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-AM), por meio da Comissão de Direitos e Prerrogativas, se manifestou sobre o ocorrido e afirmou que tomará as medidas necessárias para apurar a morte do advogado. O Tribunal de Contas do Amazonas também emitiu uma nota de pesar, solidarizando-se com a família de Erwin.

O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Nas redes sociais, o pastor Helcio Maia Neto, filho de Erwin, compartilhou sua tristeza e pediu por justiça. “Morreu um homem bom. Esses dias estivemos juntos no sítio, foi um tempo bom, Deus permitiu ficar um tempinho com ele. Que a justiça faça justiça. Nada vai trazer meu pai de volta. Não morreu só meu pai, morreu um amigo, e é assim que vou guardar a memória dele”, escreveu o pastor, que veio de Belo Horizonte para acompanhar a despedida do pai em Manaus.

Fonte: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2023/12/04/suspeito-de-matar-servidor-do-tce-am-em-manaus-e-preso.ghtml

About Author

redacao