May 20, 2024
Manaus

Mulher é flagrada tentando sacar dinheiro com o corpo do tio falecido; assista ao vídeo

Mulher é flagrada tentando sacar dinheiro com o corpo do tio falecido; assista ao vídeo Foto: divulgação

No Brasil, uma ocorrência surpreendente chocou a população de Bangu, no Rio de Janeiro. A protagonista do caso, identificada como Érika de Souza Vieira Nunes, encontrou-se sob custódia policial após uma tentativa frustrada de obter um empréstimo de 17 mil reais. O detalhe mais estarrecedor é que a tentativa foi feita usando o nome de Paulo Roberto Braga, um homem de 68 anos, que havia falecido apenas algumas horas antes do incidente. A suspeita foi confrontada por funcionários do banco, que notaram algo peculiar sobre a situação, conduzindo à convocação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Eles rapidamente certificaram que o idoso já não se encontrava entre os vivos.

Erika, que afirmava ser a cuidadora e sobrinha da vítima, foi capturada em filmagens do banco em uma tentativa desesperada de fazer com que Paulo, já falecido, assinasse os documentos necessários para a transação. Em um momento das capturas, a mulher é vista reclamando, apelando para que ele realizasse a ação para salvar-lhe de possíveis complicações.

Este notável caso de fraude capturou a atenção da Polícia Civil, que agora está empenhada em uma investigação aprofundada. O foco está em esclarecer se este foi um ato isolado ou parte de uma série de crimes similares. As câmeras de segurança do local são peças chave nesta investigação, e espera-se que o Instituto Médico Legal (IML) forneça informações cruciais para solucionar este enigma.

Em outro evento lamentável, os detalhes envolvendo o homicídio de Eloete de Oliveira, de 54 anos, vieram a público. A investigação policial aponta que o móvel do crime foi uma dívida não paga, com o devedor optando por uma solução trágica ao invés de saldar o montante devido. O crime, que ocorreu em fevereiro, na pacata cidade de Progresso, no Vale do Taquari, Rio Grande do Sul, resultou na prisão de nove suspeitos.

A delegada Marcia Bernini Colembergue esclareceu que a vítima havia emprestado dinheiro a uma pessoa que falhou em cumprir com a totalidade do pagamento. A situação degenerou em desentendimentos, culminando no trágico desfecho. Importante ressaltar que, segundo as autoridades, Eloete não tinha envolvimento com atividades criminosas.

A polícia conseguiu indiciar nove indivíduos pelo envolvimento no crime, dos quais sete já se encontram sob custódia, evidenciando o empenho das autoridades em buscar justiça para a vítima.

Os casos aqui relatados são um triste lembrete dos extremos a que algumas pessoas podem chegar, seja por ganância ou desespero. Eles reforçam a necessidade de vigilância e critério, tanto por parte das instituições financeiras quanto da sociedade em geral, para evitar que tais tragédias se repitam.

Para mais informações e atualizações sobre esses e outros casos, acompanhe nosso portal e receba notícias diretamente no seu WhatsApp através deste link: [Clique aqui](https://cutt.ly/96sGWrb).

Fonte: https://folhadesorocaba.com.br/de-volta-sorocaba-reinaugura-unidade-do-sabe-tudo-conect-apos-anos-de-inatividade/

About Author

redacao