April 25, 2024
Amazonas Manaus

Ex-sargento condenado por homicídio é procurado pela polícia em Manaus

Ex-sargento condenado por homicídio é procurado pela polícia em Manaus Edisandro de Jesus da Costa foi condenado por matar Édrica Moreira em Belém no Pará — Foto: Reprodução

Polícia Civil busca ex-sargento do Exército acusado de homicídio em Manaus

A Polícia Civil de Manaus está em busca de Edisandro de Jesus da Costa, ex-sargento do Exército, de 34 anos, acusado de matar sua ex-namorada, Édrica Moreira, de 19 anos. O crime ocorreu em Belém, no Pará, no dia 11 de novembro de 2021. A Polícia Civil do Pará descobriu que o acusado estava morando em Manaus e solicitou apoio para cumprir o mandado de prisão expedido pelo Poder Judiciário do Pará.

De acordo com o delegado titular do 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Cícero Túlio, Édrica foi atingida por três tiros enquanto estava em uma lanchonete com uma amiga, que também ficou ferida. Ambas foram socorridas e levadas para o hospital, mas Édrica não resistiu aos ferimentos e faleceu três dias após o crime.

No dia 31 de outubro, a Justiça do Pará condenou Edisandro a 15 anos, 7 meses e 15 dias de prisão pelo homicídio de Édrica. Além disso, ele foi condenado a 3 meses de detenção por tentativa de homicídio da amiga da vítima que estava no local do crime.

A família de Édrica afirma que o relacionamento entre ela e Edisandro durou apenas quatro meses e que o acusado apresentava comportamento extremamente agressivo, chegando a ameaçar a vida de toda a família.

A amiga de Édrica, que também foi atingida por um dos tiros durante o crime, revelou que Edisandro chegou a oferecer R$ 500 a ela para convencer Édrica a reatar o relacionamento. O término ocorreu no dia 28 de outubro de 2021, e o crime aconteceu pouco mais de duas semanas depois.

A testemunha do crime afirmou que havia um segundo participante, descrevendo-o como um homem usando capuz que saiu de trás do carro utilizado para simular um assalto. Esse indivíduo anunciou o assalto, e Édrica chegou a entregar o celular da amiga, mas Edisandro não levou o aparelho e disparou contra a amiga. Em seguida, ele efetuou mais quatro tiros em direção a Édrica.

Edisandro admitiu ter alugado o carro para a prática do crime.

Qualquer informação sobre a localização de Edisandro de Jesus pode ser repassada ao número (92) 98503-8913, o disque-denúncia do 1° DIP, ou pelo 181, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM). O delegado garante que a identidade do informante será mantida em sigilo.

Fonte: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2023/12/12/policia-em-manaus-procura-ex-sargento-condenado-por-matar-ex-namorada-em-belem.ghtml

About Author

redacao