May 20, 2024
Amazonas Manaus

Queimadas no Amazonas destroem mais de 200 postes e geram prejuízo de R$ 1 milhão, afirma concessionária

Queimadas no Amazonas destroem mais de 200 postes e geram prejuízo de R$ 1 milhão, afirma concessionária Dentre os prejuízos contabilizados pela concessionária está a perda de, pelo menos, 230 postes destruídos pelo fogo. — Foto: Divulgação/Amazonas Energia

Queimadas no Amazonas destroem mais de 230 postes em 23 municípios e causam prejuízo de R$ 1 milhão

As queimadas que assolam o estado do Amazonas têm causado estragos não apenas à natureza, mas também à infraestrutura elétrica da região. De acordo com a concessionária Amazonas Energia, mais de 230 postes foram destruídos pelos incêndios em 23 municípios do estado. O prejuízo resultante da reposição desses postes já ultrapassa a marca de R$ 1 milhão.

O problema se intensificou a partir do mês de agosto, com a chegada da estiagem e das altas temperaturas. Além dos postes, diversos equipamentos que compõem a rede de distribuição de energia também foram danificados, complicando ainda mais a situação no interior do Amazonas.

O diretor Institucional e Técnico do Interior da Amazonas Energia, Radyr Gomes, destacou os prejuízos causados pelas queimadas: “As queimadas causam prejuízos irreversíveis à natureza e sérios danos à rede de distribuição. Nesses meses de seca extrema, tivemos que efetuar a troca de mais de 306 equipamentos destruídos pelo fogo”.

Além dos equipamentos danificados, mais de 25 quilômetros de linhas de transmissão e distribuição de energia elétrica precisaram ser substituídos. No entanto, a reposição nem sempre é rápida, devido às dificuldades de acesso às áreas afetadas pelas queimadas. O diretor institucional ressalta que a segurança é uma prioridade: “Mesmo após o controle das chamas, nem sempre nossas equipes conseguem executar rapidamente o serviço de reparo. É que, muitas vezes, as queimadas ocorrem em áreas de difícil acesso, não sendo possível restabelecer prontamente a energia com segurança”.

Além dos prejuízos à infraestrutura elétrica, a estiagem também vem afetando o setor elétrico como um todo. A vazão dos rios nas principais hidrelétricas da Amazônia está abaixo da média histórica, o que coloca o setor em estado de atenção. O diretor institucional destaca a preocupação: “A vazão dos rios nas principais hidrelétricas da Amazônia está muito aquém da média histórica e vem colocando o setor elétrico em estado de atenção”.

Diante desse cenário preocupante, é fundamental que medidas sejam tomadas para combater e prevenir as queimadas, preservando não apenas a biodiversidade da região, mas também a infraestrutura elétrica e garantindo um abastecimento seguro e confiável de energia para todos os moradores do Amazonas.

Fonte: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2023/10/25/queimadas-no-am-destroem-mais-de-200-postes-e-causam-prejuizo-de-r-1-milhao-diz-concessionaria.ghtml

About Author

redacao